Semana mais curta de trabalho: essa pode ser a sua realidade?

semana de trabalho mais curta

Há pouco mais de dois anos, empresas de todo o mundo se viram obrigadas a mudar o modelo de trabalho de uma hora para outra. Sem qualquer planejamento, milhões de trabalhadores passaram a atuar em casa. Agora, o desafio é outro: é possível uma semana mais curta de trabalho?

É claro que cada empresa conhece a sua própria realidade e necessidade, e o objetivo aqui não é induzir nenhuma escolha. Muito pelo contrário! Queremos mostrar os prós e contras para que você conheça as opções.

Então, afinal de contas, vale a pena instituir uma semana menor de trabalho em sua empresa? O que acontecerá com a produtividade com menos horas semanais de trabalho? Acompanhe para saber mais!

O que é uma semana de trabalho menor ou uma semana de quatro dias úteis?

Uma semana menor de trabalho, ou semana de quatro dias úteis, significa que os colaboradores estarão à disposição da empresa durante quatro dias na semana, em vez dos cinco comumente trabalhados.

E isso não significa um aumento no número de horas trabalhadas por dia. Uma semana que é realmente menor, representa um número de horas menor também, ou seja, ao invés de 40 horas semanais, o tempo total de trabalho seria de 32 horas.

Nesse sentido, não há que se falar em redução do salário. O pagamento permanece o mesmo da semana integral, mas os profissionais trabalham menos horas para ganhá-lo. A explicação é que a tecnologia (Inteligência Artificial, softwares modernos, automação) otimizou a realização de diversas atividades, tornando as tarefas mais eficientes.

Assim, com o trabalho feito mais rapidamente, o objetivo é proporcionar aos trabalhadores mais tempo para lazer e a vida em família. A ideia de um dia a mais no fim de semana parece bastante atraente para qualquer um, mas é importante analisar as vantagens e desvantagens desse modelo.

Vantagens da semana mais curta de trabalho

Entre as vantagens de uma semana menor de trabalho, podemos mencionar:

  • Aumento nas vendas e produtividade: pesquisas mostram que mais tarefas tendem a ser entregues quando as pessoas trabalham menos horas, ou seja, há menos procrastinação. No caso, a partir de 35 horas semanais, a produtividade começa a cair. A própria Microsoft Japonesa fez o teste, fechando às sextas-feiras durante o mês de agosto de 2019. Comparado ao mesmo mês do ano anterior, houve um crescimento de 39,5% na produtividade;
  • Os casos de burnout caem, reduzindo os gastos da empresa com afastamentos e absenteísmo. Nesse mesmo sentido, os trabalhadores, tendo um dia mais por semana, passam a cuidar mais da saúde física e mental, se tornando mais saudáveis e, naturalmente, mais produtivos e dispostos;
  • Aumento da retenção de talentos – trabalhadores felizes tendem a ser mais leais à empresa em que estão;
  • Redução nos custos operacionais como energia elétrica, água, materiais de escritório, etc.;
  • Redução das faltas para compromissos pessoais. Se o colaborador tem um dia a mais por semana, ele pode aproveitar o momento para resolver suas questões fora do trabalho.

Mas como nem tudo são flores, existem desvantagens no modelo de trabalho com um dia a menos na semana.

Desvantagens da semana de trabalho mais curta

Acima, vimos que existem diversos benefícios em se trabalhar apenas quatro dias por semana. Agora, vamos às desvantagens:

  • Os consumidores podem se sentir frustrados por não conseguirem o atendimento esperado, mas esse problema pode ser resolvido com adaptações dos times e tecnologia;
  • Medo da redução da produtividade: muitos empresários ficam receosos com os prejuízos que podem ocorrer com a diminuição da semana de trabalho. Eles dizem que os estudos e experiências, mesmo que positivas, ainda são poucas, recentes e não condizentes com o mercado deles;
  • Preocupação com treinamentos menores: com a redução da semana, o tempo de treinamento dos profissionais também acaba sendo menor. E isso, em tese, poderia levar a erros;
  • O modelo não é para todos: acredita-se que alguns profissionais precisam de mais tempo para realizar suas tarefas, contando, ainda, com o suporte mais efetivo de um gestor. Isso vale para as empresas: algumas indústrias não são compatíveis com uma semana de quatro dias. Setores como logística, segurança e saúde, normalmente, precisam de cobertura todos os dias.

A verdade é que o modelo ainda é recente e muitos empresários se preocupam com o resultado final dessa redução de horas trabalhadas. Já os funcionários ficam com receio da possibilidade de diminuição dos salários e perda de benefícios trabalhistas.

Semana mais curta de trabalho: essa pode ser a sua realidade?

A pandemia e os seus efeitos incentivaram grandes mudanças nas formas de trabalho. Houve um encorajamento para que os empresários e profissionais explorassem novas maneiras de realizar as atividades. E esse movimento não irá parar: a cada dia, novas experiências surgem para fomentar uma vida mais equilibrada entre o profissional e o pessoal.

Mas sua empresa não precisa aderir de imediato a todas as novas tendências, é possível dar um passo de cada vez. Que tal começar dando mais atenção à saúde do seu time?

Essa é uma excelente iniciativa para garantir um bem-estar físico e emocional deles, assegurando, ainda, um aumento da produtividade e disposição.

Isso mesmo! A produtividade pode aumentar se a saúde do seu colaborador estiver em dia. Para isso, conte com os benefícios corporativos da Conexa! Clique aqui agora mesmo e veja como é fácil cuidar da saúde dos seus colaboradores.

Referências

https://www.bbc.com/worklife/article/20210819-the-case-for-a-shorter-workweek

https://vocerh.abril.com.br/futurodotrabalho/semana-de-4-dias-de-trabalho-ganha-forca-com-aumento-da-produtividade/

Compartilhe:

Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Deixe um comentário

conexa saude cta

Nos acompanhe nas redes sociais!

Assuntos do blog

Receba quinzenalmente os melhores conteúdos sobre bem-estar corporativo.

Assine nossa newsletter e tenha acesso aos nossos conteúdos exclusivos!

    Outros posts que você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e acesse o melhor conteúdo sobre bem-estar corporativo!

      Saúde digital, bem-estar e inovação que seu colaborador precisa

      A Conexa Saúde é uma solução completa para a saúde digital da sua empresa, que mostra que bem-estar corporativo pode ser acessível e estratégico. Fale com a gente!