Tecnologia na saúde: o que é, benefícios e últimas inovações

tecnologia e saude medica teclado virtual

A inovação na área da saúde está se expandindo cada vez mais e com possibilidades extremamente promissoras. É o que chamamos de tecnologia na saúde.

Isso acontece principalmente devido às tecnologias atuais e futuras que estão sendo aplicadas no dia a dia de clínicas, consultórios e hospitais,ajudando a melhorar o atendimento e os cuidados com o paciente.

E, da mesma forma que acontece em outros setores, as empresas que apostam em tecnologia na saúde estão obtendo diversas vantagens no mercado que está cada vez mais competitivo.

Tais tecnologias podem ser usadas até mesmo por profissionais e gestores de pequenas clínicas e consultórios, para que elas também se beneficiem.

Mas, para que isso seja possível, é preciso que elas conheçam as tecnologias que já existem e qual o seu potencial para seu estabelecimento.

Dessa forma, se você está buscando informações acerca das novas tecnologias na área da saúde e deseja saber as tendências para  2022 e anos seguintes, continue lendo este artigo.

Boa leitura!

O que é tecnologia na saúde?

A tecnologia na saúde nada mais é que todas as soluções desenvolvidas por meio da combinação entre as duas áreas.

Tal parceria existe há séculos, e ela é fundamental para a evolução que vem acontecendo em ambos os setores.

Isso se dá pois a saúde cria as demandas, e a tecnologia aprimora o seu aparato para suprir tais demandas.

Dessa forma, a tecnologia vai proporcionando diversos avanços, tanto na prestação de serviços, quanto em novos equipamentos..

E, devido a esses avanços tecnológicos, foi possível a humanidade desenvolver diversas técnicas para prevenção e combate de doenças que já provocaram muitas tragédias ao dizimar milhões de pessoas.

Um bom exemplo no Brasil é o trabalho pioneiro do médico sanitarista Oswaldo Cruz, que, por meio de seu conhecimento acerca da peste bubônica e da febre amarela, ajudou a erradicar tais doenças no país por meio do desenvolvimento de vacinas e soros na década de 1900.

Por esse motivo, o Governo Federal faz campanhas de vacinação em massa, para a imunização e  erradicação da poliomielite, rubéola, tétano, entre outros males.

Por esse motivo, a tecnologia na saúde tem sido cada vez mais usada e explorada em todo o mundo.

Importância da tecnologia na saúde

tecnologia e saude tablet

A tecnologia é extremamente importante pois ela gera muitos impactos na forma que são feitos os tratamentos das doenças, e também na gestão da saúde e no acompanhamento dos pacientes.

Dessa forma, a tecnologia permite a tomada de decisões de uma forma mais acertada.

Com tais ferramentas a área da saúde consegue fazer o levantamento das  informações sobre os pacientes, bem como saber das ações preventivas que precisam ser tomadas para diminuir o risco de doenças.

Além disso, usando as tecnologias na saúde com foco na prevenção das condições que geram determinadas doenças é possível diminuir os custos operacionais que o SUS e os planos de saúde possam vir a ter.

Principais benefícios

As novas tecnologias utilizadas na medicina vêm impactando tanto nos cuidados com a saúde, quanto com a relação existente entre o médico e o paciente.

Isso aconteceu pois agora é possível fazer o monitoramento por wearables, dando mais autonomia e responsabilidade para os pacientes.

Além disso, a tecnologia na saúde ajudou desde a educação na área de saúde até a prática clínica, fazendo a promoção da saúde e a prevenção de doenças.

Mas não é só isso, a tecnologia na saúde ainda traz os seguintes benefícios:

  • Diagnósticos mais precisos;
  • Melhora do atendimento;
  • Gestão mais eficiente;
  • Controle financeiro pois é possível fazer o acompanhamento das despesas e faturamento e do avaliar e avaliar se os recursos estão sendo usados de forma correta;
  • Organização das tarefas administrativas (recepção, financeiro, recursos humanos etc.);
  • Gestão de pessoas, o que ajuda na divisão de tarefas e o controle de produtividade dos colaboradores;
  • Controle de estoque, evitando desperdícios ou falta de materiais;
  • Padronização dos procedimentos;
  • Integração das informações;
  • Exatidão nas técnicas cirúrgicas;
  • Prevenção em foco;
  • Redução de erros.

Desvantagens da tecnologia na saúde

Entretanto, nem tudo são flores, e a tecnologia na saúde também conta com algumas desvantagens, que são:

  • Cobertura de seguro: nem todas as seguradoras cobrem todas as tecnologias;
  • Proteção de dados médicos: hackers e outros criminosos podem acessar dados médicos de algum paciente;
  • Atrasos no atendimento: pode ocorrer atraso no atendimento;
  • Questões de licenciamento: nem todas as leis estaduais permitem o uso da telemedicina;
  • Preocupações tecnológicas: geralmente é difícil encontrar a melhor plataforma digital para sua clínica ou consultório;
  • Incapacidade de examinar pacientes: determinados provedores não armazenam todos os dados necessários do paciente.

Mas, mesmo com essas desvantagens, as vantagens em usar a tecnologia na saúde superam elas.

Quais são as principais tecnologias em saúde?

tecnologia e saude medica computador

Diversas invenções e tecnologias ajudaram nos cuidados com a saúde, tais como:

  • Exames;
  • Tratamentos, e;
  • Prevenção.

Em relação aos equipamentos médicos, é importante destacar a descoberta dos raios-X e o seu uso para observar as partes internas do corpo humano,feitas pelo físico alemão Wilhelm Conrad Rontgen.

No ano de 1895, ele fez a primeira radiografia em sua esposa , começando assim o  estudo do organismo de uma forma não invasiva, o que não acontecia antes, pois o exame dos órgãos e tecidos eram feitos somente com  cirurgia exploratória.

Depois disso, o raio-x foi se aprimorando e o uso das radiações em exames de diagnóstico levou a construção de equipamentos modernos de tomografia, ressonância magnética, entre tantos outros.

Além disso, a tecnologia na saúde proporcionou:

  • A realização de transplantes
  • A comunicação por meio das tecnologias da informação e comunicação – TICs, entre outros

Hoje em dia, com a popularização da internet, foi possível construir sistemas modernos, igual os que são usados nas plataformas de telemedicina.

O que são tecnologias leves e duras?

Agora vamos falar um pouco sobre tecnologias leves e duas.

As tecnologias duras incluem as máquinas, ferramentas, robôs e redes de telecomunicações.

Ou seja, elas são referentes às coisas tangíveis. E sobre elas podemos citar duas características:

  • São ferramentas inovadoras que ajudam na realização das tarefas,
  • Proporcionam mais velocidade e eficiência em relação aos procedimentos tradicionais.

Quanto às tecnologias leves, elas não são tangíveis, pois a sua finalidade é ajudar no funcionamento das instituições e organizações.

Tal conceito é mais usado em empresas, atividades comerciais e serviços.

Ela conta com uma metodologia mais educativa, em um sistema de contabilidade, e logística ou então na campanha de marketing. Esses são alguns exemplos das tecnologias leves.

Tecnologia na saúde pública

Conforme  a ANS (Agência Nacional de Saúde), desde o ano de  2018 aproximadamente 4 milhões de pessoas pararam de utilizar os planos de saúde e começaram a depender exclusivamente do SUS (Sistema Único de Saúde) para realizar consultas, tratamentos e cirurgias.

Tal migração ocorreu devido ao endividamento e ao desemprego da população, bem como ao aumento dos preços dos planos.

Tudo isso causou uma sobrecarga no SUS e, para que fosse possível atender toda essa demanda, a solução foi recorrer às tecnologias para saúde pública.

Além disso, a grave crise sanitária causada pela pandemia do novo coronavírus exigiu ainda mais profissionais para trabalhar na linha de frente, leitos, medicamentos e aparelhos, como os de respiração mecânica, por exemplo.

E, mesmo o SUS sendo um dos mais eficientes sistemas de saúde do mundo, ele é prejudicado devido a sua má gestão e ao desvio de verbas.

Conforme  a OMS , cerca de 40% dos gastos com saúde são desperdiçados devido a ineficácia da sua administração.

Para você ter uma noção, são cerca de R$ 164 bilhões ao ano que não são investidos no setor.

Dessa forma, é possível entender o quanto é preciso investir em tecnologias para saúde pública, para evitar filas de leitos, ajudar na distribuição de medicamentos, agilizar os diagnósticos e muito mais.

Assim, alguns tecnologias que podem ser usadas na saúde pública são:

  • Prontuário eletrônico;
  • Telemedicina;
  • Sistemas de gestão;
  • Aplicativos;
  • Ferramentas de biometria;
  • Câmeras de monitoramento;
  • Cloud computing;
  • Testes Laboratoriais Remotos (TLRs).

Exemplos das últimas inovações tecnológicas para a área da saúde

tecnologia e saude medica touch screen

Devido a pandemia do novo coronavírus foi preciso que a medicina a se reinventasse.

Isso porque, como é possível atender aos pacientes sem que haja contato físico e, mas de forma acolhedora?

Como diagnosticar uma doença que os sintomas ainda estão sendo descobertos?

Estas e outras perguntas fizeram com que fosse feita uma edição do Prêmio Abril & Dasa de Inovação Médica voltada para o combate à Covid-19.

Os 5 projetos que venceram utilizavam novas tecnologias à saúde, reforçando a aplicação da Saúde 4.0.

Por isso, logo abaixo vamos mostrar as 5 maiores inovações tecnológicas na saúde que foram feitas no decorrer da pandemia do novo coronavírus.

  • Rede Inteligência Artificial para Covid-19 no Brasil (IACOV-BR)

Como saber se a pessoa que contraiu o novo coronavírus irá desenvolver um quadro grave da doença e precisará de uma UTI?

Ou então saber se ela pode ficar isolada em casa?

Essa inovação na saúde é feita por meio do uso inteligente dos dados coletados na triagem de pacientes em clínicas e hospitais logo após o resultado positivo para Covid-19.

Com base nesses dados, os pesquisadores da IACOV-BR desenvolveram algoritmos que conseguem predizer como será a evolução do quadro do paciente.

  •  Diagnóstico molecular: OmniLAMP

Todos sabem que no começo da pandemia, os testes em massa na população foram tidos como uma das principais armas no combate à Covid-19.

Entretanto, isso foi um tremendo desafio: como testar milhões de pessoas em um período de tempo curto?

A resposta foi a utilização de novas tecnologias na saúde, por meio de um dispositivo portátil e que custava pouco, o OmniLAMP.

Tal dispositivo faz testes moleculares sem precisar de uma estrutura laboratorial, por meio da detecção do material genético do Sars-CoV-2.

Ele foi feito para ser usado em consultórios, unidades de saúde, hospitais e empresas.

Tal  tecnologia na saúde, no decorrer da pandemia, foi maravilhoso para substituir os  exames convencionais RT-PCR.

Ela foi desenvolvida pelo Instituto René Rachou/Fiocruz Minas junto com a empresa Visuri, recebendo o apoio do Instituto Serrapilheira.

  • Diagnóstico por meio de análise de imagens radiológicas e Inteligência Artificial (IA): RadVid19

Essa nova tecnologia também foi essencial no combate ao Covid-19.

Por meio de algoritmos que acessam um banco de dados que possui mais de 25 mil tomografias de tórax, a IA ajuda os médicos a analisar as imagens para detectar casos de Covid-19.

Ela faz uma varredura de milhares de tomografias de tórax e compara se o pulmão do paciente é compatível com algum quadro de infecção.

Essa nova tecnologia recebeu o nome de RadVid19 e médicos do país inteiro podem usar.

  • Cicloergômetro Vida Inteligente

Essa nova tecnologia foi importante para ajudar os pacientes que ficavam na UTI devido a complicações do Covid-19.

Ela permite que equipamentos de reabilitação smart, como o Cicloergômetro Vida Inteligente, permite que médico e fisioterapeutas estimulem movimentos musculares nos paciente por meio de descargas elétricas que estimulam os movimentos, ao gerar contração muscular.

Mas, por enquanto, essa nova tecnologia está na fase de prototipagem.

  • Cabines de teleatendimento da SAS Brasil

A pandemia do novo coronavírus fez com que diversos hospitais e clínicas adotassem a telemedicina e o prontuário eletrônico.

Isso porque, devido ao isolamento social e ao distanciamento, as pessoas não podiam ir em suas consultas presenciais, então, essa tecnologia ajudou muito nos atendimentos a distância.

Tendências para 2022 na área da saúde

O cenário da saúde mudou muito, principalmente a partir de 2020 e a tendência é que, no ano de 2022, tais mudanças se intensifiquem.

Por isso, separamos as principais tendências de tecnologia na saúde para 2022.

  • Estratégia omnichannel para varejistas de saúde;
  • Ferramentas de saúde “vestíveis” e digitais;
  • Soluções de atendimento virtual;
  • Realidade virtual, aumentada e mesclada;
  • IoMT;
  • IA e Machine Learning;
  • Big Data e Análise Preditiva.

A tecnologia tem um papel extremamente importante quando o assunto são as tendências para a saúde no ano de 2022.

Pois, além de soluções igual o Cloud Computing e Big Data, a chegada do 5G no país também vai causar um impacto bastante significativo no setor, devido a sua conectividade que irá impulsionar ainda mais a interação.

Dessa forma, de ambulâncias inteligentes a uma telemedicina mais ágil, a grande expectativa é que a chegada dessas novas tecnologias traga impactos positivos pois ela irá otimizar ainda mais o desempenho de máquinas e aparelhos.

Que papel a tecnologia poderá ter no futuro do atendimento médico?

Não é possível falar da tecnologia na saúde sem lembrar da Telemedicina.

Entre todas as inovações já existentes, merece  grande destaque a telemedicina.

Isso se dá devido à oferta de laudos à distância, que está  impactando positivamente clínicas e hospitais do país inteiro, especialmente nos locais remotos.

Além disso, com essa nova tecnologia, as unidades de saúde de todo o país conseguem fazer os exames e solicitar seus  laudos de forma remota, com toda a comodidade e segurança necessárias.

Dessa forma, não fica sendo mais necessário que os hospitais e clínicas contratem muitos especialistas que irão ficar responsáveis somente pelos laudos, o que representa uma economia considerável para esses locais.

Além disso, não é mais necessário que os pacientes se desloquem até centros de referência para conseguir acesso a diagnósticos confiáveis e de uma forma rápida.

Por meio da plataforma de telemedicina, todos os dados referentes aos exames são enviados em tempo real para os especialistas qualificados.

Outra grande vantagem é que os pedidos urgentes podem receber os seus laudos até mesmo em tempo real.

A Telemedicina Morsch também consegue disponibilizar equipamentos digitais para determinados exames por meio do regime de comodato.

Ou seja, agora é possível que a unidade de saúde contrate os laudos e, nesse período, utilize os aparelhos de última geração sem custo.

Conclusão

tecnologia e saude medicas conversando

A ascensão das novas tecnologias na área da saúde foi notória especialmente durante os momentos mais críticos da pandemia da COVID-19.

Dessa forma, o cenário de calamidade vivido no último ano não só expôs velhas falhas dos sistemas de saúde no Brasil, como também reforçou o quanto era necessário o desenvolvimento de inovações tecnológicas para atender a demandas que, até aquele momento, não pareciam urgentes.

Nesse sentido, tecnologias como Cloud Computing, Internet das Coisas e Big Data, oferecidas pela Vivo Empresas, fizeram e continuarão fazendo toda  a diferença.

Tais tendências de tecnologia na saúde são somente o começo.

Isso porque, a partir de agora veremos muitos avanços tecnológicos e, a maioria deles, certamente irão fazer parte dos serviços de saúde.

Por isso, os hospitais e clínicas de todo o país devem se preparar para poder investir cada vez mais em novas tecnologias, proporcionando assim ainda mais comodidade e segurança para seus pacientes.

O futuro é agora, então aproveitem as novidades tecnológicas na saúde!

Compartilhe:

Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Deixe um comentário

conexa saude cta

Nos acompanhe nas redes sociais!

Assuntos do blog

Receba quinzenalmente os melhores conteúdos sobre bem-estar corporativo.

Assine nossa newsletter e tenha acesso aos nossos conteúdos exclusivos!

    Outros posts que você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e acesse o melhor conteúdo sobre bem-estar corporativo!

      Saúde digital, bem-estar e inovação que seu colaborador precisa

      A Conexa Saúde é uma solução completa para a saúde digital da sua empresa, que mostra que bem-estar corporativo pode ser acessível e estratégico. Fale com a gente!