Autocuidado: importância, como praticar e dicas

autocuidado mulher espelho

Você sabia que autocuidado é tão importante como cuidar da saúde? Vivemos em um mundo tão agitado que, pensar em parar uns minutos para cuidar de si mesmo, pode não ser tão fácil assim.

Ao descuidar de nós mesmos as consequências podem ser severas a curto, médio e longo prazos. Olhar para si, se valorizar, se cuidar, se amar, cuidar da higiene pessoal são algumas das iniciativas que fazem parte do autocuidado.

Desta forma, você melhora sua qualidade de vida, melhorando a saúde física e mental. Mas como saber qual a importância e de que forma praticar esse autocuidado?

No texto de hoje trazemos dicas e sugestões para o autocuidado de forma simples e prática. Confira!

O que é o autocuidado?

autocuidado mulher sorrindo

Especialistas definem autocuidado como sendo um conjunto de ações voltadas para cuidar de si mesmo. É o ato de valorizar os pensamentos, as emoções, os valores, os ideais.

Manter a própria saúde em dia, o bem-estar. São atitudes simples, como cuidar da higiene corporal, da pele, do cabelo, da aparência. Até a forma de se vestir, a escolha da roupa certa para cada momento do dia.

A atenção se volta para a pessoa, mas é importante lembrar que o autocuidado vai mais além do que simplesmente manter a saúde em dia. Envolve outros segmentos como o estado emocional, o espiritual, o social e o mental.

Então continue a leitura e entenda melhor sobre o conceito de autocuidado.

Qual a importância do autocuidado?

Quem se cuida, se ama. Mantém-se em equilíbrio em todos os aspectos e consegue lidar melhor com as atividades e as adversidades diárias. É mais positiva, mais centrada, produtiva e resiliente.

Com autoestima elevada e boa saúde física e mental, a pessoa consegue melhores resultados na vida pessoal e na profissional. Se sente mais feliz e busca relacionamentos mais saudáveis.

A sensação de bem-estar diária resulta em menos estresse e ansiedade. Se livrando das energias negativas e buscando no positivismo a base para se manter saudável.

– Autocuidado e a autoestima

autocuidado mulher computador olheiras

As duas palavras estão intrinsecamente ligadas. Autocuidado e autoestima significa que a pessoa se respeita, se ama e se cuida em todos os aspectos. Não só no lado físico, mas também o mental, nas emoções, sem se descuidar da vida social e da espiritualidade.

É a autovalorização, respeitando as próprias opiniões, os desejos, os objetivos. Se colocar sempre em primeiro plano e não dar ouvidos a opinião dos outros. Autocuidado e autoestima é a valorização das atitudes.

São as ações que compõem a construção de quem se é. Consequentemente, ao se autocuidar se eleva a autoestima. Mas, é importante lembrar sobre a necessidade da autoanálise.

Isso para termos consciência sobre os nossos limites, as qualidades e também os defeitos.

Quais são os tipos de autocuidado?

Conhecer os tipos de autocuidados pode colaborar para uma melhor programação sobre qual área necessita de maior atenção. Para isso, a área da Psicologia fornece algumas ferramentas como a roda da vida.

Um instrumento visual em forma de gráfico, onde detectamos vários aspectos da vida que podem ser melhorados. São cuidados que ultrapassam o físico e o mental. Agora vamos conhecer melhor cada um deles:

– Físico

Esse tipo de autocuidado é o mais fácil de entender e conhecer.  Ele está ligado diretamente aos cuidados que devemos ter com nosso corpo. Desde a higiene corporal; o corte de cabelo; o sono; uma boa alimentação; exercícios físicos; a visita ao médico.

Tudo feito de forma equilibrada resulta em boa saúde, aumento da imunidade, maior disposição, felicidade, entre outros benefícios.

O autocuidado físico também inclui outras iniciativas como dançar, cantar, passear, caminhar, ver TV, ler um bom livro ou aprender algo novo.

Manter o sono em dia; se alimentar bem; praticar alguma atividade física que lhe dê prazer e fugir das situações estressantes, engrossam a lista de cuidados físicos.

– Social

Aqui o autocuidado se refere a forma como nos relacionamos com os outros. Como seres sociais, o homem não está sozinho no universo.

Além da família, nos relacionamos com amigos pessoais e do trabalho, com amores, com profissionais da área de serviços, vizinhos e muito mais. Saber lidar de forma amigável e saudável com cada tipo de relação é que fará toda a diferença na nossa socialização ou não.

É preciso praticar a empatia e a solidariedade com o próximo. Se relacionar socialmente inclui a participação em grupos, manter contato com amigos e familiares, aceitar convites, rir mais, entre outras dicas.

– Mental

Cuidar da mente se refere ao autocuidado cognitivo. Ao conhecimento. Relaciona-se com o lado interior de cada uma. É sobre o que pensamos e o que sentimos. As crenças, as emoções e o reflexo de tudo isso sobre o nosso comportamento e as nossas emoções.

Por isso, tão importante quanto cuidar do físico, a mente deve receber igual atenção. Desenvolver inteligência emocional é um dos caminhos para o autoconhecimento.

Para ser bem sucedido nessa tarefa adote algumas ferramentas como ter um diário, fazer terapia, demonstrar gratidão ou expressar os sentimentos.

– Emocional

Dedicar um tempo para cuidar do corpo é importante, mas lidar com as emoções pode ser um desafio diário. Ao manter a saúde mental cuidados do lado emocional. Desenvolvemos a inteligência emocional.

Uma ferramenta importante que nos prepara melhor para enfrentar os mais diferentes sentimentos e situações no dia a dia. Só assim conseguimos ter consciência e clareza sobre as nossas atitudes.

Para manter esse equilíbrio emocional precisamos adotar uma série de ações. Entre elas, manter o contato com amigos e familiares; falar sobre os sentimentos; traçar planos futuros; fazer psicoterapia, entre outros.

– Espiritual

Manter-se conectado com o lado espiritual também é importante nesse processo de autocuidado. São várias práticas e ferramentas que promovem a evolução espiritual. Entre elas a meditação, a yoga, se conectar à natureza, ler bons livros sobre diversas crenças e religiões. São infinitas as possibilidades que levam ao conhecimento da espiritualidade.

– Intelectual

Ampliar os horizontes do conhecimento é a proposta desse tipo de autoconhecimento. É estimular o cérebro a ter pensamentos mais críticos e analíticos, desenvolvendo um raciocínio mais criativo e lógico.

Os caminhos para isso são os mais diversos e interessantes possíveis. Passam por conversas mais profundas ao desafio diário de novas aprendizagens. Novas línguas, um instrumento musical, computação ou até ver filmes e documentários com conteúdos mais aprofundados.

Desafio diário e o autocuidado

autocuidado mulher mao rosto

Um levantamento do Ibope em 2020 mostrou que 84% dos brasileiros buscam uma rotina de autocuidado, mas só um terço consegue. A pesquisa mostrou ainda que, 3 de cada 4 ouvidos sentiam alguma dor física frequente.

As principais reclamações eram dor nas costas, com 38% e; enxaqueca, com 31%. Nas mulheres a frequência era maior, de 82%. Os dados alarmantes mostram a dificuldade de praticar o autocuidado e como isso reflete também na saúde física.

Eles mostram que ele deve ser praticado o tempo todo. Mas para isso é necessário não só decidir por ações que visem o bem-estar emocional, psicológico e físico, mas também insistir diariamente, contra todos os obstáculos que a vida nos apresenta.

Frequentemente associamos o autocuidado a cuidar do corpo. Exames periódicos, cuidados estéticos e rotina fitness. Mas e os cuidados com a mente, como ficam? Alguns responderiam que não se preocupam com isso porque não possuem nenhuma doença.

Mas assim como o corpo, a mente também adoece. E o cuidado preventivo serve para ambos. Se você faz atividade física para evitar o sedentarismo, também deve tomar atitudes para ter saúde em outras áreas da vida.

Isso é o autocuidado, um conjunto de práticas e ações saudáveis visando bem-estar e a saúde mental. Quem o pratica cuida da vida emocional, profissional, das finanças, trabalho, relacionamentos, e assim por diante.

Como praticar autocuidado? 8 dicas para começar

A ideia de autocuidado é que a pessoa assuma compromisso consigo mesma. Além dos compromissos diários, é preciso criar um tempo para pequenos rituais, momentos que tragam prazer. Pode ser uma vez ao dia ou na semana.

Por exemplo, escolha um dia para dar aquela esticada no horário de almoço para fazer uma caminhada. Se preferir exercícios físicos, marque os dias e horários na academia. Ou simplesmente se permita um doce como sobremesa ao menos uma vez na semana.

Tudo é válido quando o assunto é se cuidar. E isso vale para o trabalho, em casa, com a família ou com os amigos.

Afinal, não é fácil manter a saúde em dia, mas também não é impossível. Basta empenho, vontade e dedicação. Para começar trazemos algumas sugestões viáveis e praticáveis. Confira!

– Tire um tempo para você

autocuidado senhora ouvindo musica

Com a correria do dia a dia, muitas vezes nos deixamos de lado. O autocuidado exige que você tire um tempo para si mesmo. Isso é importante para a saúde física e mental e podemos começar imediatamente.

O silêncio ajuda a criar essa conexão. Ao se ouvir passa a se ver com outros olhos. Respeita-se. Conhece melhor seus sentimentos, suas ideias, suas dificuldades. Não dê ouvidos ao que os outros falam ou pensam sobre você.

Isso prejudica seu autoconhecimento, autocuidado e até a autoestima. O que importa é como você se vê. Desta forma estará bem consigo e com o mundo.

– Vá regularmente ao médico e faça exames de rotina

autocuidado mulher massagem

Se cuidar exige organização e dedicação. Fazer exames de rotina estão entre as tarefas que o autocuidado exige. Manter um check-up anual pode ajudar no acompanhamento e cuidados com a saúde.

Independente do sexo ou da idade não podemos negligenciar com a saúde do corpo e da mente. A medicina preventiva recomenda a ida regular ao médico a partir dos 25 anos.

Entre os exames de rotina mais comuns destacamos a verificação da pressão arterial, hemograma, urina, fezes, eletrocardiograma, entre outros.

As mulheres devem incluir no calendário médico alguns exames fundamentais, como mamografia, ultrassom das mamas, papanicolau, densitometria óssea e exames hormonais.

Já os homens devem fazer a prevenção do câncer de próstata, autoexame testicular, colonoscopia e também os hormonais.

– Durma

Especialistas já sabem que uma boa noite de sono só faz bem para a saúde. Melhora a memória e o humor; controla o peso; reduz a ansiedade, aumenta a energia e muito mais.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) orienta que os adultos devem dormir um mínimo de seis horas diárias. Geralmente os adultos devem dormir entre sete e oito horas. Já os adolescentes entre oito e dez e as crianças entre nove e 13 horas de sono.

Isso porque enquanto dorme o organismo realiza importantes funções como o reparo dos tecidos, a síntese de algumas proteínas e o crescimento dos músculos. Caso contrário, o organismo responde negativamente.

Ao longo do tempo, noites de sono ruins podem resultar em ganho de peso, estresse, irritabilidade, falta de concentração. Além da quantidade de horas, o sono precisa ter qualidade.

– Faça uma atividade física que você se identifique

autocuidado casal exercicios

Engana-se quem pensa que precisa malhar por longas horas na academia para ter uma vida mais saudável. Ao menos de 15 a 30 minutos de caminhada diária, seguida de alongamentos já trazem inúmeros benefícios.

Entre eles a melhoria do sistema cardiorrespiratório e a liberação de neurotransmissores do humor, como a endorfina. Praticar alguma atividade física regularmente é um importante aliado no autocuidado e no combate à depressão, a tristeza e o estresse.

Especialistas e médicos concordam sobre os inúmeros benefícios da atividade física. Por ser um energizante natural ajuda a ter uma boa noite de sono, melhora a autoestima, o raciocínio e a memória.

O importante é que encontre um esporte que você se identifique, que lhe traga prazer.

– Aprenda a dizer não

Essa talvez seja a dica mais difícil de cumprir, mas é preciso. Saber impor limites, respeitando as suas vontades é essencial. Ao contrário, pode representar imaturidade e baixa autoestima.

Saber dizer não significa rejeição. Pelo contrário. É sinal de maturidade, de conhecimento e respeito a si mesmo. E quando a pessoa for dizer sim, é porque realmente deseja fazer algo pelo outro e não apenas medo ou uma obrigação.

– Tenha bons hábitos de higiene com o corpo

Adotar bons hábitos de higiene pessoal é fundamental para demonstrar boa aparência e cuidados consigo mesmo. São costumes que vamos adquirindo desde a infância. Pequenas ações que ajudam na prevenção de doenças decorrentes de vírus e bactérias.

Essas práticas diárias permanecem na vida adulta, quando iremos acrescentar outras ações na lista de cuidados pessoais. Esses bons hábitos nos ajudam a manter a boa convivência social.

Entre eles estão escovar os dentes após as refeições; tomar banho diariamente; pentear e lavar o cabelo; higienizar com frequência as mãos. Esse último reforçado em tempos de pandemia de covid 19.

– Se hidrate

Você sabia que 70% do corpo humano é composto por líquidos. Por esse dado já é possível imaginar quão imprescindível é a necessidade de se manter uma boa hidratação.

Se hidratar mantém o cérebro produtivo e ativo; controla a pressão arterial; protege o coração; aumenta a resistência física e muitos outros benefícios. Além de sucos ou chás, o organismo precisa essencialmente de água.

O ideal é ingerir pelo menos dois litros todos os dias. Mas infelizmente a maioria das pessoas não consome a quantia necessária para o bom funcionamento do organismo.

Para facilitar nessa tarefa é importante deixar uma garrafa de água sempre ao alcance das mãos. Se preferir ative um alarme sonoro para lembrar de beber água pelo menos de hora em hora.

– Mantenha uma alimentação equilibrada

Fazer uma refeição balanceada, rica em nutrientes e fibras ajuda nos cuidados diários com a saúde e o bem-estar. É uma forma positiva de colocar energia em nosso corpo. Além de escolher bem os alimentos, é preciso cuidado na conservação e no preparo.

Tenha calma ao se alimentar, desfrutando esse momento com prazer e alegria. Tudo muito devagar e de forma consciente. Independente do intervalo entre as refeições, o ideal é que a alimentação deve ser feita quando a pessoa sentir fome e vontade para isso.

Abuse do consumo de legumes, verduras e frutas. Fuja de alimentos gordurosos, pouco nutritivos e os embutidos. Além disso, não consuma líquidos durante as refeições. O ideal é antes ou depois.

Como manter o autocuidado na quarentena

Há um ano vivemos o sentimento de incerteza por conta da pandemia da Covid-19. Os altos e baixos durante esse tempo, mudam constantemente a rotina de trabalho, de circulação e criam outra pandemia, a de saúde mental.

Isso piora no isolamento, quando a tendência de termos pensamentos negativos aumenta, levando em consideração as notícias sobre o aumento de casos, colapso no sistema de saúde e a baixa quantidade de vacinas.

Para fugir dessa espiral é preciso um conjunto de ações, que envolvem o cultivo do contato, mesmo que de forma virtual, com relações saudáveis; estabelecer limites no trabalho; ter uma boa alimentação e pensamentos positivos.

– A relevância da terapia no autocuidado

Infelizmente a maioria das pessoas só procura um atendimento especializado em psicoterapia quando já desenvolveu algum transtorno mental. Muitas vezes até sem saber que desenvolveram sintomas.

Um dos princípios do cuidado preventivo é justamente a preocupação contínua em ter uma vida sadia e proveitosa. Com a terapia é possível prevenir sintomas psicológicos e até doenças psicossomáticas.

Não é preciso estar doente para procurar orientação. Ao contrário, o atendimento psicológico é um acompanhamento para ajudar a equalizar os problemas do cotidiano e não deixar que o acúmulo deles prejudique a sua saúde mental.

E você, tem praticado o autocuidado?

Se ainda não começou vamos colocar em prática um pouco sobre tudo que já falamos nesse texto. Lembre-se que você é importante, precisa se agradar. Fazer o que realmente tem vontade e importa.

Não dê ouvidos a opinião alheia. Ninguém melhor do que você sabe quem você é, qual o seu valor e suas expectativas.

Então inclua na lista de autocuidados ao menos um dia da semana para fazer o que gosta, como ver um bom filme, ou fazer um almoço diferente. Sorria mais. Fale sobre seus sentimentos e não deixe de manter o check-up médico em dia.

E o autocuidado no ambiente corporativo?

O autocuidado no ambiente de trabalho torna os dias mais leves, reduzindo a sobrecarga e aumentando a produtividade e a motivação.

É perceptível como trabalhamos melhor quando estamos contentes conosco, e para sermos felizes temos que respeitar as limitações e nunca sobrecarregar nossa mente e corpo. Por isso é importante também praticar o autocuidado no seu trabalho.

Tente implementar boas práticas de autocuidado no trabalho, e veja o quanto isso pode mudar não só a sua vida, como de todos os outros colaboradores da sua empresa.

Importância da saúde no trabalho

De acordo com a legislação trabalhista, uma empresa é responsável por vários aspectos que envolvam seus funcionários. As condições e as relações de trabalho estão entre elas e são priorizadas por meio da segurança e da medicina do trabalho.

Setores que protegem física e mentalmente os trabalhadores. Direitos estabelecidos na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) por meio de diversas leis e decretos. São diversas formas de cuidar da saúde e da segurança dos empregados.

Entre elas podemos apontar campanhas educativas contra maus hábitos, descanso, incentivo à medicina preventiva, à uma alimentação mais saudável e à prática de exercícios.

O objetivo é promover mudanças no estilo de vida, reduzir os percentuais de adoecimento, afastamentos e acidentes. O resultado é sempre positivo. Melhora do clima organizacional, maior engajamento e produtividade.

– Conheça a Conexa Corporate

A prevenção é sempre o melhor caminho para manter o bem-estar e a saúde. Nessa linha o autocuidado cumpre esse papel, ao despertar a consciência para a necessidade de se cuidar melhor.

Se colocar em primeiro plano. Se autoconhecer. Priorizar os cuidados preventivos de saúde.

E para ajudar nessa tarefa a Conexa Saúde desenvolveu uma série de programas por meio de sua plataforma on-line de telemedicina.

Imagine o funcionário usufruindo de vários serviços como check-up anual, visualização de resultados, sanar dúvidas, se conectarem com médicos e psicólogos sem sair da empresa.

Benefício que ficou ainda mais acessível por meio da Conexa Corporate, que atende às demandas corporativas. A Conexa Corporate conta com uma rede de 70 mil profissionais, credenciados em mais de 30 especialidades à disposição 24 horas todos os dias.

Vantagem para o trabalhador que ganha tempo e para o gestor, que tem acesso a dados da saúde da equipe, com maior controle da sinistralidade. Para conhecer um pouco mais sobre a Conexa Corporate, acesse www.conexasaúde.com.br.

Conclusão

Como vimos, o autocuidado é um ato de amor-próprio. Todos deveriam praticá-lo todos os dias, respeitando nossos limites e enaltecendo nossas qualidades. Caso contrário, em algum momento da vida a conta vai chegar.

Não dar a devida atenção para os cuidados do corpo e da mente, pode afetar a saúde física e mental. Geralmente o corpo é quem dará os primeiros sinais de que algo não anda bem.

Irritabilidade, sono ruim, cansaço, estresse, ansiedade são algumas das manifestações de que algo não está bem. É preciso parar, refletir e mudar os conceitos. A pessoa precisa aprender a se valorizar, a entender suas necessidades e prioridades.

Se colocar em primeiro plano em benefício do seu bem-estar, da sua saúde. A telemedicina da Conexa Saúde pode ser uma boa aliada nesse processo.

Compartilhe:

LinkedIn
WhatsApp
Facebook
Twitter
Email

Deixe um comentário

Pesquisar

Assuntos do blog

Receba quinzenalmente os melhores conteúdos sobre saúde física e mental.

Assine nossa newsletter e tenha acesso aos nossos conteúdos exclusivos!

    Nos acompanhe nas redes sociais!

    Outros posts que você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e acesse o melhor conteúdo sobre saúde física e mental!

      Saúde e bem-estar que encaixa na sua rotina

      A Conexa Saúde é uma solução completa de saúde digital que simplifica o seu acesso a cuidados físicos e mentais. Fale com a gente!