CHRO: o que é, o que faz, importância, formação, habilidades e salário

chro chro o que faz

O futuro do RH está evoluindo rapidamente como a tecnologia, o que significa que o papel central do Chief Human Resources Officer (CHRO) também está mudando.

Em resumo, o Diretor de Recursos Humanos (CHRO) é responsável pelo desenvolvimento e execução da estratégia de recursos humanos em apoio ao plano geral de negócios e direção estratégica da organização.

Especificamente nas áreas de planejamento de sucessão, gestão de talentos, gestão de mudanças, gestão organizacional e de desempenho, treinamento e desenvolvimento, e remuneração.

Portanto, o CHRO fornece liderança estratégica articulando necessidades e planos de RH para a equipe de gestão executiva, acionistas e o conselho de administração.

Por isso, os CHROs têm que ser verdadeiros conselheiros estratégicos para impulsionar o desempenho organizacional através da estratégia de RH. E isso requer uma mistura única de competências, conhecimentos e experiência.

O que é um CHRO (Chief Human Resource Officer)?

chro o que e cmo

Como dito anteriormente o CHRO ou Diretor de Recursos Humanos é um cargo de liderança dentro do setor de Recursos Humanos.

As responsabilidades do CHRO incluem:

Além disso, as responsabilidades do CHRO incluem a concepção e avaliação dos caminhos de carreira. Bem como, a supervisão de todas as funções de RH e a elaboração de estratégias que atendam os objetivos comerciais da empresa.

A principal função do CHRO é aconselhar a liderança sênior sobre estratégia de recursos humanos. Por exemplo, eles devem entender as leis trabalhistas. Bem como, devem também ser capazes de fazer recomendações sobre remuneração e benefícios.

As descrições de cargos ou anúncios de emprego de CHRO geralmente procuram candidatos capazes de:

  • Criar uma cultura de trabalho baseada nos valores de uma organização;
  • Desenvolvimento e implementação de políticas, procedimentos e programas;
  • Construir estratégias de recursos humanos, incluindo recrutamento e planejamento sucessório;
  • Coaching e aconselhamento tanto para funcionários quanto para a gerência;
  • Desenvolvimento da estrutura de compensação;
  • Gerenciamento de mudanças;
  • Uma compreensão completa da legislação federal e estadual.

O que faz um CHRO?

chro cto

Além do papel de RH, o CHRO está em condições de identificar exatamente por que uma organização pode não estar tendo um bom desempenho ou não estar atingindo seus objetivos.

Nesse sentido, os CEOs devem aprender a buscar tal análise com o CHRO. Logo, o CHRO deve trabalhar com o CEO e o CFO para examinar as causas de falhas, pois a maioria dos problemas são problemas relacionados às pessoas.

A ideia é olhar além dos fatores externos óbvios, tais como a queda das taxas de juros ou a mudança de valor da moeda, e vincular os números com insights sobre o sistema social da empresa – como as pessoas trabalham em conjunto.

Um diagnóstico correto sugere o remédio certo e evitará qualquer substituição irrefletida de pessoas que tomaram boas decisões, mas que foram maltratadas.

Ao mesmo tempo, o CHRO deve estar atento aos funcionários que são criadores de energia e desenvolvê-los. Quer sejam ou não diretamente encarregados de produzir resultados, estas são as pessoas que chegam ao cerne das questões, reestruturam ideias.

Bem como, criam laços informais que incentivam a colaboração e, em geral, tornam a organização mais saudável e mais produtiva. Elas podem ser o poder oculto por trás da criação de valor do grupo.

O CHRO também deve ser capaz de fazer previsões significativas sobre a concorrência. Logo assim, o CHRO deve estar armado com informações sobre os concorrentes e como seus principais tomadores de decisão e executores se acumulam contra os da organização.

As previsões devem incluir o impacto provável de quaisquer mudanças relacionadas a recursos humanos em empresas rivais.

Tais como modificações em seus sistemas de incentivo, um aumento no volume de negócios ou novos conhecimentos que estão contratando – e o que essas mudanças podem significar sobre seus movimentos de mercado.

Veja suas principais atribuições

A princípio o CHRO deve estabelecer e implementar esforços de RH que efetivamente comuniquem e apoiem a missão e visão estratégica da empresa.

Bem como, desenvolver planos e estratégias de RH para apoiar a realização dos objetivos gerais das operações comerciais.

Além disso, ele deve atuar como assessor estratégico de negócios para a gerência executiva/sênior de cada unidade de negócios ou grupo de especialidade em relação a questões-chave organizacionais e gerenciais.

Trabalhar com a equipe de gestão executiva da empresa para estabelecer um plano sólido de sucessão gerencial que corresponda à estratégia e aos objetivos da empresa.

Desenvolver planos estratégicos abrangentes de recrutamento e retenção para atender as necessidades de capital humano das metas estratégicas.

Desenvolver e implementar planos abrangentes de remuneração e benefícios que sejam competitivos e econômicos.

Fornecer liderança geral e orientação para a função de RH supervisionando a aquisição de talentos, desenvolvimento de carreira, planejamento de sucessão, retenção, treinamento, desenvolvimento de liderança, remuneração e benefícios globalmente.

Qual a importância de um CHRO para a empresa?

chro cpo

Papel fundamental na qualificação da equipe

As funções e responsabilidades do Chefe de Recursos Humanos também devem incluir o cultivo de um ambiente inclusivo no trabalho através de políticas e mudanças comportamentais.

Além disso, muitos processos de RH tendem a tratar todos os funcionários da mesma maneira. Embora o treinamento possa ser útil, particularmente quando se concentra em uma ou duas coisas que impedem os indivíduos de atingir seu potencial, ele tem seus limites.

Nada supera uma má adaptação. Uma grande lacuna entre os talentos de um líder e as exigências do trabalho cria problemas para o líder, seu chefe, seus colegas e seus relatórios.

Portanto, antes de causar danos graves, o CHRO deve tomar a iniciativa de identificar lacunas no comportamento ou nas habilidades, especialmente à medida que os requisitos do trabalho mudam.

Fortalecimento e consolidação da empresa ao longo do tempo

É essencial que a estratégia de RH e a estratégia comercial estejam alinhadas. Sendo assim, o Chefe de Recursos Humanos é responsável por projetar uma estratégia que contribua para os objetivos gerais da empresa, e que isto possa ser explicado aos líderes através de dados.

A perspicácia empresarial é uma das quatro competências centrais e vitais para o sucesso do RH, juntamente com a proficiência digital, o conhecimento de dados e a defesa das pessoas.

Quando os indivíduos possuem todas essas quatro competências com pelo menos uma outra competência funcional de RH, eles se tornam um profissional completo. Isto é, sobretudo, vital para ajudar uma organização a atingir seus objetivos comerciais.

Portanto, um CHRO com perspicácia empresarial é um profissional que entende como a organização opera e pode falar a língua de seus líderes. Bem como, reconhecem que a estratégia empresarial não é separada dos Recursos Humanos.

Nesse sentido, tal líder pode elaborar de forma estratégica políticas e iniciativas para melhor servir a empresa como um todo, seus clientes e seus funcionários.

Isso, por sua vez, assegura que as estratégias de RH estejam alinhadas com as estratégias comerciais. Bem como, permite que o CHRO seja um parceiro estratégico chave para o CEO.

Traçar estratégias acerca de temas que estejam em evidência no universo do RH

A proficiência digital (também conhecida como integração digital) é a capacidade de aproveitar e integrar tecnologia nas operações de RH para aumentar a eficiência pessoal e organizacional e impulsionar o crescimento dos negócios.

Isto requer uma consciência da tecnologia tanto dentro como fora do local de trabalho. Os executivos de RH também precisam da capacidade de tecê-la na jornada dos funcionários, criando uma cultura digital.

Entretanto, as equipes de RH ainda são muito absorvidas em tarefas operacionais e transacionais, tais como administração e folha de pagamento. Por isso, a digitalização contínua de todos os processos empresariais é a chave da mudança.

Afinal, ela permite automatizar uma parte crescente dos processos e possibilita mudar o foco das tarefas transacionais para a criação de valor real para os funcionários e para a empresa.

Sobretudo, mais voltada para o futuro e para a Transformação Ágil ao liberar o potencial de crescimento. Seguindo em frente, haverá mais fluidez e menos separação funcional.

Qual a formação de um CHRO?

chro coo

A princípio, não há uma rota definida para se tornar um CHRO, pois esse tipo de cargo requer experiência e expertises de RH. Entretanto, a Catho divulgou alguns requisitos comuns para a função de Diretor de Recursos Humanos. Sendo que dos profissionais que hoje trabalham como CHRO, temos:

  • 28% são formados na graduação de Administração de Empresas;
  • 32% fizeram algum MBA na área de Recursos Humanos;
  • 39% são proficientes em inglês.

Habilidades importantes para o sucesso de um CHRO

Porém, como se trata de um cargo de liderança de diretoria executiva, é importante que o profissional possua uma trajetória profissional alinhada à função de liderança. Bem como, é recomendado algumas habilidades ou aptidões, entre elas:

  • Excelentes habilidades de comunicação verbal e escrita;
  • Fortes habilidades analíticas e de resolução de problemas;
  • Conhecimento profundo das leis e regulamentos relacionados ao setor de RH;
  • Fortes habilidades de supervisão e liderança;
  • Excelentes habilidades de comunicação interpessoal e de resolução de conflitos;
  • Conhecimento e experiência com diversos sistemas de informação de recursos humanos;
  • Excelentes habilidades de organização e atenção aos detalhes;
  • Proficiência com o Microsoft Office Suite ou softwares relacionados.

O que um profissional de RH pode fazer para alcançar o cargo de CHRO?

chro chro salario

Como dito anteriormente, os Diretores de Recursos Humanos (CHRO) supervisionam os elementos críticos do sucesso de uma empresa, tais como sua gestão de talentos, retenção e planejamento sucessório.

Por isso, contratar um CHRO talentoso é a chave para o crescimento bem sucedido de qualquer empresa.

Porém, para um profissional de RH alcançar o cargo de CHRO é necessário um conjunto especial de habilidades para cumprir as funções e responsabilidades. E é por isso que esses profissionais devem se familiarizar com as responsabilidades antes de ascender ao cargo de CHRO.

Nesse sentido, há dois tipos de habilidades que o profissional deve possuir, entre elas estão as habilidades inatas e as habilidades que podem ser aprendidas.

Por exemplo, as habilidades ensináveis e quantificáveis são necessárias para ter sucesso como um CHRO. Elas incluem a familiaridade do profissional com o gerenciamento de dados e seu papel na indústria de RH.

Também se refere à proficiência do candidato em idiomas estrangeiros ou à capacidade de utilizar softwares específicos de RH. Finalmente, considere a perspicácia financeira do profissional e sua capacidade de gerenciar orçamentos ou planos de compensação.

Já as habilidades inatas são facetas de caráter que não são facilmente quantificadas. Por exemplo, as habilidades inatas podem se referir às suas habilidades de comunicação.

Bem como, incluem a etiqueta do profissional no local de trabalho e a capacidade de resolver problemas pessoais.

Finalmente, entender que possuir experiência na indústria é um sinal claro de que um profissional tem as habilidades necessárias para o trabalho. Entretanto, nem sempre é necessária uma vasta experiência.

Considere a experiência que um profissional pode possuir em outras indústrias ou práticas que poderiam se aplicar às funções diárias de um CHRO.

Qual o salário médio de um CHRO?

Segundo a plataforma de recrutamento e seleção Catho, um CHRO tem como salário médio de cerca de R$22.000,00.

No entanto, vale lembrar que nas empresas multinacionais ou de grande porte esse valor pode chegar a ser até o dobro, sem contar as participações sobre os lucros.

O que significam outras siglas de cargos importantes e suas funções em um organograma empresarial?

chro cio

CEO

Em resumo, CEO (Chief Executive Officer) ou Diretor Geral ou Diretor Executivo, é a pessoa encarregada da direção administrativa e de gestão da organização. Nesse sentido, o CEO está no topo da cadeia da empresa.

Na maioria dos casos, o CEO é também o fundador e dirige o propósito, a visão e a missão da empresa.

Bem como, é responsável por conectar o negócio com o mercado, ter a última palavra em orçamentos, decisões de investimento e direcionar as estratégias da empresa para que ela atinja seus objetivos.

Portanto, o CEO ideal deve ser um líder, fornecendo orientação e recursos para a equipe e removendo obstáculos.

CMO

O CMO (Chief Marketing Officer) ou Diretor de Marketing é responsável pelas atividades de marketing, que incluem gerenciamento de vendas, desenvolvimento de produtos, publicidade, pesquisa de mercado e atendimento ao cliente.

Com foco na manutenção da qualidade do serviço através da comunicação, e alinhar os interesses de todos os departamentos para otimizar as atividades de marketing.

CFO

O CFO (Chief Financial Officer) ou Diretor Financeiro é o responsável pelo planejamento econômico e financeiro da empresa.

Decidindo quando e onde investir, avaliando os riscos, tudo isso com o objetivo de aumentar o valor da empresa.

Contribui com conhecimento financeiro, contabilidade e fornece uma visão geral e analítica do negócio. Em muitos casos, também é o assessor de assuntos estratégicos do CEO.

Conclusão

chro cfo

Os CEOs sabem que dependem dos recursos humanos de sua empresa para alcançar o sucesso. Afinal, as empresas não criam valor, as pessoas sim.

A elevação do RH exige uma redefinição total do conteúdo do trabalho do diretor de recursos humanos – na essência, forjando um novo contrato com este líder.

Estas mudanças conduziram a importantes transformações nas carreiras dos executivos de RH – e de outros líderes em toda a empresa. Além disso, a empresa se beneficiará de uma melhor gestão não apenas de seus recursos financeiros, mas também de seus recursos humanos.

Como o desempenho de uma empresa depende em grande parte do ajuste entre pessoas e funções, o CHRO pode ser de enorme ajuda ao cristalizar o que um determinado trabalho requer e avaliar realisticamente se a pessoa designada atende a esses requisitos.

Quer saber mais? Acesse nosso site e veja mais notícias.

Compartilhe:

Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Deixe um comentário

conexa saude cta

Nos acompanhe nas redes sociais!

Assuntos do blog

Receba quinzenalmente os melhores conteúdos sobre bem-estar corporativo.

Assine nossa newsletter e tenha acesso aos nossos conteúdos exclusivos!

    Outros posts que você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e acesse o melhor conteúdo sobre bem-estar corporativo!

      Saúde digital, bem-estar e inovação que seu colaborador precisa

      A Conexa Saúde é uma solução completa para a saúde digital da sua empresa, que mostra que bem-estar corporativo pode ser acessível e estratégico. Fale com a gente!

      [GUIA PRÁTICO]
      [GUIA PRÁTICO]